Home / Curiosidades /

Descubra as melhores piscinas exteriores do Norte de Portugal

piscinas

Descubra as melhores piscinas exteriores do Norte de Portugal

WePlann

Pela altura em que as temperaturas começam a aumentar e começa a despertar a vontade de vestir os fatos de banho e biquínis, as praias de Portugal começam a atrair milhares de banhistas. Ainda que as praias sejam um excelente cenário para aproveitar o tempo de verão e apanhar uns banhos de sol, temos de reconhecer que, por vezes, nem sempre é fácil estacionar o carro junto a praias totalmente lotadas ou até mesmo estender uma toalha na areia. E, infelizmente, o mar do Norte de Portugal não é especialmente conhecido pelas suas temperaturas mais amenas.

Se reconheceu tudo isto que acabei de escrever e a simples ideia de ir até à praia o deixou desmotivado, então continue a ler este artigo. Vamos propor um cenário diferente: e se em vez de praia fosse para a piscina? Os miúdos adoram chapinhar na água e, para os graúdos, esta é uma solução mais segura, já que pode ver os seus filhos num ambiente mais controlado.

No Norte de Portugal, principalmente na cidade do Porto, existem uma série de alternativas para todos os que preferem um espaço mais sossegado, com menos pessoas e com águas a temperaturas menos frias. Neste post, apresentamos por isso uma selecção daquelas que consideramos serem as melhores piscinas do Norte de Portugal.

10 piscinas para visitar no Norte de Portugal

Piscinas Quinta da Gruta (cerca de 4 euros)

quintadagruta

Piscinas Municipais de Campanhã (4,5 euros)

campanha

Piscina de Espinho (5,40 euros)

espinho

Piscina da Granja (7,50 euros)

granja

TripAdvisor
 

Piscina das Marés (8 euros)

mares

Piscina da Quinta da Conceição (5 euros)

piscinaquintaconceicao

Piscina da Estalagem Via Norte (9 euros)

vianorte

Piscina de Amarante (17 euros)

amarante

Piscinas Foz do Cávado (8 euros)

foz do cavado

Piscinas das Termas de S. Vicente (cerca de 3 euros)

saovincente

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
AdobeStock
 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *