Home / Europa /

Intercâmbio em Portugal: o que saber antes de fazer as malas

Intercâmbio em Portugal: o que saber antes de fazer as malas

by Gonçalo Sousa

Share this article

     

O intercâmbio em Portugal é uma das modalidades mais recorrentes entre brasileiros que buscam estudar na Europa. Isso porque, além da facilidade com a língua similar à nossa, o país possui características que encantam os estudantes daqui.

Por exemplo, o clima ameno e uma gastronomia extremamente deliciosa. Além disso, algumas das universidades portuguesas estão entre as melhores do mundo.

Outro ponto positivo é a localização geográfica de Portugal, que permite conhecer outras regiões europeias.

Por isso, se você pensa em fazer um intercâmbio em Portugal e não sabe por onde começar, separe seu seguro viagem e confira connosco este artigo exclusivo! Boa leitura!

Documentos necessários para intercâmbio em Portugal e outros países europeus

Antes de mais nada, os interessados em fazer intercâmbio no país devem estar de posse do passaporte e preparados para emitir o visto.

É possível conseguir este visto junto ao consulado português, que irá definir em qual categoria o intercambista melhor se encaixa em relação ao tempo em que ficará no país

Outro documento importante para o intercambista ingressar no país é a carta de aceitação da universidade onde ele fará sua graduação.

Que tipo de intercâmbio pode ser feito em terras portuguesas?

É possível fazer intercâmbio em Portugal através de parcerias entre universidades brasileiras e portuguesas. Essa prática é conhecida por convênios acadêmicos.

Uma outra maneira de garantir o intercâmbio no país, é utilizar a própria nota do Enem para o curso optado em Portugal.

Também existem intercâmbios acadêmicos que podem ser patrocinados por algum tipo de instituição brasileira.

Por fim, a grande dica para ter o intercâmbio que você sempre sonhou é pesquisar todas as universidades e selecionar aquelas que mais se alinham com os seus objetivos.

Por isso, fique atento às oportunidades, como estágios supervisionados ou cursos de curta duração, que são disponibilizados na faculdade em que se almeja ingressar.

Outro detalhe importante e que merece destaque é que o visto para o intercambista no país não autoriza o trabalho remunerado. Para garantir o sustento em Portugal, durante o seu intercâmbio, é necessário emitir um pedido de autorização para trabalho, oriunda de carta do empregador.

Principais cidades para intercâmbio em Portugal

Antes de mais nada, é importante ressaltar que a escolha por terras portuguesas é comum entre os brasileiros.

Isso porque, nas ocasiões em que os estudantes não possuem fluência em outro idioma, a língua nativa é um atrativo em razão da similaridade com a fala brasileira.

Tendo isso em vista, você pode escolher entre as cidades mais conhecidas de Portugal ou se aventurar em terras menos frequentadas, mas que também podem oferecer muitas oportunidades para quem deseja fazer intercâmbio em Portugal. Conheça algumas opções:

Porto

A cidade de Porto talvez seja a mais conhecida e desejada por brasileiros que sonham em fazer intercâmbio em Portugal. Isso porque a cidade é uma das mais antigas do país.

 

Dotada de um charme ímpar, a cidade de Porto já foi considerada por diversos turistas como um dos melhores destinos turísticos de toda a Europa.

Sobretudo, a cidade conta com instituições de ensino renomadas, como a Universidade Católica Portuguesa, a Universidade Fernando Pessoa, o Instituto Politécnico do Porto, dentre outras.

Aveiro

Primeiramente, é possível que você nunca tenha ouvido falar de Aveiro. No entanto, a cidade, que fica localizada na costa oeste de Portugal, é dotada de belezas naturais e de atrações comerciais.

Outro ponto que chama a atenção dos intercambistas para a cidade de Aveiro são as inúmeras ofertas de emprego. Isso se justifica em razão da cidade ser cercada por zonas industriais.

No que diz respeito ao intercâmbio com fim educacional, a Universidade de Aveiro ocupa hoje a quinta posição no ranking das melhores universidades do país.

Braga

Se você deseja realizar o seu intercâmbio em uma terra que conte boa parte da história deste país, Braga é o seu destino certo.

A cidade chama atenção pelo “turismo religioso”, uma vez que abriga locais como o santuário Bom Jesus do Monte e a catedral Sé de Braga.

Por fim, outro ponto que merece destaque para quem deseja realizar o intercâmbio em Portugal na cidade de Braga, é que o local conta com a população mais jovem do país.

Coimbra

Por fim, mas não menos importante, Coimbra abriga uma das universidades mais antigas do mundo: a Universidade de Coimbra, que também é a mais antiga de Portugal.

Outro ponto que também vale ser citado para quem busca o intercâmbio em Coimbra é a vasta oferta de empregos.

Para os acadêmicos mais entusiastas, Coimbra ainda abriga a Biblioteca Joanina, considerada uma das mais importantes e belas bibliotecas do planeta.

Em razão de todas essas marcantes arquiteturas associadas à obtenção da educação académica, Coimbra naturalmente ficou conhecida como “Cidade do Conhecimento”.

Conclusão

Viver o intercâmbio em Portugal é uma realidade possível e pouco burocrática. Além disso, passar uma temporada no país onde não é necessário o conhecimento em uma língua estrangeira é um ponto positivo para quem deseja estudar fora do Brasil.

Sobretudo, sabemos que o conteúdo é o fator mais importante quando se diz respeito a um intercâmbio acadêmico.

No entanto, nada impede que este conhecimento ande de mãos dadas com belas atrações turísticas e com realidades financeiras que cabem no bolso, como é o caso de Portugal.

Ademais, Portugal abriga algumas das melhores universidades da Europa. Portanto, se é conhecimento que você visa adquirir durante a sua estadia no país, você irá para o lugar certo.

POSTS RELACIONADOS

Share this article

Leave a comment

Your email address will not be published.