Home / Cidades /

Descubra agora 4 bons motivos para visitar Ponte de Lima

Descubra agora 4 bons motivos para visitar Ponte de Lima

Nas margens do rio Lima há uma vila portuguesa que recebeu o seu nome graças a uma icónica ponte medieval construída a partir das ruínas de uma ponte romana. Hoje, a região é mais reconhecida pela gastronomia – o famoso sarrabulho -, mas a verdade é que não faltam bons motivos para visitar Ponte de Lima em Portugal. Antes de os enumeramos, conheçamos um pouco da história desta terra.

Estávamos no ano de 1125 quando a Rainha D. Teresa se referiu à região como Terra da Ponte, outorgando o foral que instituía uma das primeiras vilas portuguesas. Vários séculos mais tarde, D. Pedro I mandou construir muralhas ao reconhecer a importância estratégica do local.

A partir daí e durante vários reinados Ponte de Lima serviu como ponto intermediário entre o litoral de o interior.

A segurança das muralhas atraiu a população e ao longo da Idade Média a ponte que lá existia foi a única passagem segura entre as duas margens do Lima. Por lá costumavam passar os peregrinos em direção a Santiago de Compostela e, ano após ano, a região parecia estar cada vez mais desenvolvida.

Os negócios bem-sucedidos e o aumento do poderio económico determinaram a construção de obras e monumentos que perduram até aos dias e constituem uma das maiores riquezas da região. A isto soma-se o enquadramento paisagístico e a mais recente aposta no turismo rural e de habitação.

Continue a ler e conheça as razões pelas quais deve visitar Ponte de Lima.

HOTÉIS EM PONTE DE LIMA

O QUE FAZER EM PONTE DE LIMA

RESTAURANTES EM PONTE DE LIMA

Ponte de Lima: uma vila com animação para todos

É caso para dizer que animação não falta em Ponte de Lima. A região é muito conhecida pelas Feiras Novas, uma festa criada em 1826 por D. Pedro IV. Com data marcada para o mês de setembro, esta romaria enche as ruas da vila com atividades diversas, desde fogo de artifício a concursos de gado.

A propósito de gado não podemos esquecer a Vaca das Cordas, uma tradição semelhante à tourada que ocorre todos os anos no dia anterior ao Corpo de Deus. A vaca é presa por cordas e imobilizada por um grupo de homens. Desta forma, o animal percorre as ruas de Ponte de Lima num percurso que termina junto ao areal.

Além destes dois exemplos, a vila está constantemente em movimento. Se estivermos atentos ao programa cultural, podemos encontrar certames como a Feira do Vinho Verde, o Festival Internacional de Jardins, ou a Feira do Cavalo.

A paisagem natural de Ponte de Lima

Gosta de uma boa caminhada ou de descobrir os pontos menos conhecidos de Portugal? Então saiba que o contacto com o meio ambiente e a belíssima paisagem natural fazem de Ponte de Lima um destino de turismo rural por excelência.

As atividades não se esgotam numa semana, mas se preferir pode aproveitar as folgas para descobrir esta terra no norte do país.

TripAdvisor

Se tiver dúvidas, basta olhar para as imagens das Lagoas de Bertiandos e S. Pedro de Arcos, atualmente consideradas zona protegida. Recomendamos que siga a ecovia de Ponte de Lima, onde encontrará também a Casa da Lage e a Casa do Tamanqueiro.

A juntar a isto há os trilhos do Caminho Português de Santiago e as muitas atividades do turismo de aventura – como passeios a cavalo ou visitas monitorizadas.

Comer e chorar por mais

Uma coisa é certa: quem aprecia cozinha tradicional portuguesa não sai de Ponte de Lima com a barriga vazia. Nos restaurantes, pode encontrar uma variedade de pratos tradicionais mas se aprecia cozinha típica não se deixe ficar pelos pratos comuns que pode comer em qualquer região do país.

Peça uma caneca do famoso vinho verde Ponte de Lima, coloque o guardanapo e mande vir a ementa!

Quem tem um estômago forte vai de certeza apreciar os típicos pratos da zona, como as emblemáticas papas de sarrabulho, a lampreia, os rojões e o bacalhau de cebolada que, embora pareça mais ligeiro quando colocado na mesma mesa, não é para o garfo de qualquer um.

O leite-creme vem no fim, encerrando este cardápio de iguarias tradicionais e satisfazendo sempre as colheres dos mais pequenos.

Monumentos repletos de história

Quando falámos de momentos em Ponte de Lima não podemos deixar de referir a ponte medieval. Como já dissemos em cima, a versão atual do monumento é uma reconstrução da ponte romana original. Desta restam os 24 arcos e uma pequena parte da margem Oeste.

Todavia, apesar de a ponte ser o monumento mais icónico, está longe de ser o único.

Se decidir visitar a vila, não se esqueça de visitar a Igreja Matriz edificada no século XV ou o Parque Temático do Arnado – com jardins inspirados em vários estilos e uma referência à lenda clássica do labirinto do Minotauro.

Passe também pelo Santuário do Senhor do Socorro, localizado na Labruja, uma freguesia a cerca de 12 quilómetros de Ponte de Lima.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *