Home / África /

Tunísia: um exuberante oásis no deserto do Sahara

Tunísia: um exuberante oásis no deserto do Sahara

 

Pelo facto de ser um país exótico e repleto de contrastes, faz todo o sentido que a Tunísia seja um dos destinos de sonho a constar neste blog. Um pequeno paraíso do Norte de África, com tradições e costumes completamente diferentes do ocidente, a Tunísia assume-se com uma exuberante beleza costeira e reconfortantes oásis no meio do gigantesco deserto do Sahara.

A Tunísia faz fronteira com a Argélia e a Líbia, sendo as suas magníficas praias banhadas pelo Mediterrâneo.

A Tunísia é uma terra de contrastes de cores, especiarias, aromas e hospitalidade. A beleza natural do país, as cidades com ruínas históricas e o festival dos habitantes fazem deste local um destino de férias apetecível.

Tunísia: o que fazer?

Nesta terra de areias douradas, oásis e tâmaras convidam-no a observar o sol a pôr-se no deserto do Sahara. Regularmente a paisagem da Tunísia vai mudando das florestas densas aos morangueiros, dos pequenos oásis à aridez do deserto. Com uma flora muito variada, a fauna, embora bastante rica, tem sido nos últimos tempos um pouco maltratada, levando mesmo à extinção de diversas espécies. Detentora de mais de 200 espécies catalogadas, a Tunísia é ainda excelente para observar pássaros.

Para que possa conhecer todas as emoções que este país tem para oferecer, opte por alugar um jipe e entre num filme de descobertas onde os papéis de realizador e protagonista são interpretados por si. Além disso sugerimos-lhe uma aliciante expedição de camelo pelo Grande Erg Oriental, conduzida por um guia beduíno que lhe responderá a todas as suas curiosidades.

Uma oportunidade que não deve perder, pois ficará a conhecer reconfortantes oásis e as denominadas casas trogloditas, que não são nada mais do que exuberantes habitações escavadas nas montanhas.

 

Para que se sinta confortável nos seus passeios, aconselhámo-lo a usar roupa leve e prática, calçado cómodo, chapéu, óculos de sol. Protetor solar e repelente para os mosquitos devem também fazer parte da sua mala. Para as noites passadas no deserto não se esqueça de levar consigo um agasalho.

Tunísia: o que comer?

Para os habitantes da Tunísia, o produto base da sua alimentação é o pão. Todos os dias, durante quase 24 horas, encontra pelas ruas inúmeros vendedores de pão fresco. Aliás, refeição que se preze tem sempre há mesa o pão, cozido e fabricado das mais variadas formas.

Contudo, os sabores e cheiros tunisinos que se inalam nos souks contaminam-se à culinária tradicional. O cordeiro é também o produto essencial da alimentação da Tunísia e cozinhado de diversas maneiras diferentes. Mais célebre nesta parte do continente africano é o couscous, sêmola de trigo que acompanha pratos de carne e vegetais, como por exemplo as beringelas. Para as sobremesas, os tunisinos têm para oferecer aos seus visitantes doces com base de amêndoas, pistachios, avelãs e outras variedades de frutos secos.

Um povo hospitaleiro que cativa os turistas não só pela sua simpatia, pela beleza natural do país, mas também pelos sabores que fazem parte da gastronomia deste paraíso situado a norte do continente africano.

Aqui ficam algumas boas razões para que a Tunísia faça parte da lista de destinos para as suas merecidas férias.

 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *