Home / Cidades /

Quais são as 10 Cidades de Portugal com mais Medalhas Olímpicas?

Quais são as 10 Cidades de Portugal com mais Medalhas Olímpicas?

by Gonçalo Sousa

Share this article

Os Jogos Olímpicos são um instrumento poderoso para alcançar um mundo melhor, onde assentam valores como respeito, amizade e trabalho. São o principal evento desportivo internacional em que milhares de atletas de todo o mundo participam numa variedade de competições. Um evento que está presente no aplicativo móvel Betway junto com tantos outros eventos de diferentes esportes e que se mantém com uma popularidade elevada.

De acordo com manuscritos históricos existentes, os primeiros Jogos Olímpicos antigos foram celebrados em 776 AC em Olímpia. Eram dedicados ao deus grego Zeus e realizavam-se no mesmo local de quatro em quatro anos. Este período de quatro anos ficou conhecido como uma “Olimpíada”.

Não por acaso, este é um dos eventos que suscitam maior número de apostas em sites como a Betway, já que a curiosidade e possibilidade de ganhar prémios é cada vez maior. As apostas olímpicas são certamente novas para muitos apostadores, e com tantos eventos à escolha, aprender a apostar nos Jogos Olímpicos pode ser avassalador.

Agora, que tudo acabou nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, já não vai a tempo, mas deixe-nos guiá-lo através das cidades portuguesas com maior probabilidade de receberem apostas nas próximas Olimpíadas de Verão, de modo a que consiga utilizar sites como a Betway e fazer apostas olímpicas mais inteligentes.

Realçamos que para os portugueses estes Jogos Olímpicos foram diferentes de todos os outros: a participação portuguesa foi melhor do que nunca, com 4 medalhas conquistadas – o melhor que Portugal tinha conseguido tinha sido três, em Los Angeles 1984 e Atenas 2004.

Sim, nem sequer os melhores sites de apostas, como a Betway, conseguiram fazer previsão de resultados tão bons. Portugal despediu-se dos Jogos Olímpicos com a melhor participação de sempre, resultante das quatro medalhas (uma de ouro, uma de prata e duas de bronze) e os 15 diplomas (atribuídos aos atletas classificados entre o primeiro e o oitavo), o que permitiu somar 78 pontos, mais 27 do que em Atenas 2004 (anterior máximo).

Assim, hoje destacamos o enorme valor dos atletas portugueses e aproveitamos para descobrir as cidades portuguesas com mais medalhas olímpicas.

 

Lista das cidades de Portugal com mais medalhas olímpicas

1 – Lisboa – 20 medalhas

6 Pratas | 14 Bronzes

Em primeiro lugar, Lisboa. Desde sempre com uma forte presença nos jogos olímpicos e uma cidade muito reconhecida quanto aos seus atletas, como Patrícia Mamona e Telma Monteiro. Esta cidade, através dos seus atletas, conseguiu medalhas nas modalidades de Atletismo, Judo, Esgrima, Ciclismo, Tiro, Hipismo e Vela.

 

2 – Viseu – 2 medalhas

1 Ouro | 1 Prata

Viseu em segundo lugar. Não podemos falar de medalhas em jogos olímpicos sem mencionar Viseu, terra de Carlos Alberto de Sousa Lopes. Vencedor na modalidade de atletismo, conseguiu o ouro na Maratona de LA em 1984 e a medalha de prata em 10.000 m em Montreal em 1976.

 

3 – Porto – 2 medalhas

1 Ouro | 1 Bronze

Em terceiro lugar a cidade invicta, Porto. Terra da corredora Rosa Mota e de grandes outros atletas. Esta cidade, desde sempre, originou grandes atletas que também participaram em campeonatos mundiais e europeu. A atleta conseguiu uma medalha de ouro em Seoul no ano de 1988 e a medalha de bronze em 1984 em LA.

 

4 – Penafiel – 2 medalhas

1 Ouro | 1 Bronze

Em terceiro lugar, empatado com a cidade do Porto, Penafiel. Casa da atleta Fernanda Ribeiro que desde cedo demonstrou interesse pelo atletismo despertando a atenção de olheiros a partir dos 10 anos. Conseguiu, para a sua cidade natal, uma medalha de Ouro em Atlanta em 1996 nos 10.000 m e a medalha de bronze em Sydney em 2000 também na mesma modalidade.

 

5 – Viana do Castelo – 2 medalhas

1 Prata | 1 Bronze

Em quarto lugar, Viana do Castelo. Originalmente de Ponte de Lima, no concelho de Viana do Castelo, Fernando Pimenta é o espetacular canoísta ganhou duas medalhas, ambas em Canoagem: A medalha de prata em Canoagem K2 1000 metros com o parceiro Emanuel Silva nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012 e a medalha de bronze este ano em K1 1000 metros nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

 

6 – Abrantes – 2 medalhas

2 Bronzes

Abrantes em sexto lugar. O cavaleiro Luís Mena e Silva foi um dos grandes responsáveis pelas marcas que Abrantes deixou no desporto mundial. Conseguindo duas medalhas de bronze nos Jogos Olímpicos de Berlim em 1936 e Londres em 1948 juntamente com a sua equipa e o cavalo fossette.

 

7 – Vila Nova de Gaia – 1 medalha

1 Prata

Em sétimo lugar, Vila Nova de Gaia, uma cidade muito bonita, rica em cultura e história. História esta, conseguida nos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008 com a atleta Vanessa Fernandes com uma magnífica medalha de prata na modalidade de triatlo. Atualmente, esta atleta, conta com 21 vitórias em Taças do Mundo de Triatlo, superando o número de vitórias da lendária Emma Carney.

 

8 – Espinho – 1 medalha

1 Bronze

Espinho em oitavo lugar com um adorado atleta, levado cedo demais. António Carlos Carvalho Nogueira Leitão foi o maior impulsionador desta região nos Jogos Olímpicos de LA em 1984 nos 5000 metros. Conseguiu uma espetacular medalha de bronze naquela que foi uma das mais entusiasmantes corridas de 5000 metros da história dos Jogos Olímpicos e a mais rápida de sempre, até aos Jogos de Pequim, em 2008.

 

9 – Santarém – 1 medalha

1 Bronze

Em nono lugar, Santarém. Nasce a 3 de Agosto de 1977 uma das promessas desportistas de Santarém, Rui Manuel Monteiro da Silva. Desde cedo que ingressou no desporto mas, curiosamente no futebol, até que mais tarde passou para o atletismo. Conquistou 10 medalhas em competições internacionais com a bandeira de Portugal e em 2004 a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atenas, afirmando-se como um dos melhores atletas portugueses de sempre.

 

10 – Braga – 1 medalha

1 Bronze

Em décimo lugar, empatado com Santarém, Espinho e Vila Nova de Gaia, encontramos Braga. A medalha de prata desta cidade foi conseguida em Canoagem K2 1000 pelo canoísta Emanuel Silva nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012 juntamente com o parceiro e amigo Fernando Pimenta.

 

Como foi realizado este estudo?

A fim de realizar este estudo, a plataforma Holidu agrupou os dados sobre os resultados obtidos desde os Jogos Olímpicos de 1924 até aos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Graças aos dados conseguidos através do Comité Olímpico Português e do site Wikipedia, conseguiu-se os nomes dos atletas, o seu local de nascimento, os Jogos Olímpicos onde a medalha foi ganha, bem como a disciplina.

Depois de visto o local de nascimento dos atletas, podemos atribuir a medalha a este mesmo local, originando assim a classificação das cidades portuguesas com mais medalhas olímpicas. Foram excluídos os jogos olímpicos de Paris de 1924 devido à falta de dados sobre os atletas. As classificações do oitavo, nono e décimo lugar foram aleatórias dado que o número de medalhas é igual, bem como o tipo de medalha (Uma medalha de bronze para cada).

POSTS RELACIONADOS

 

Share this article

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *