Home / Cidades /

Tenerife: um paraíso de praias de água límpida e areia branca

tenerife

Tenerife: um paraíso de praias de água límpida e areia branca

 

A ilha espanhola de Tenerife é o local certo para passar umas férias relaxantes à beira-mar, pois é bastante solarenga e calma. Santa Cruz é a capital e as suas praias de água límpida e de areia branca, recentemente importadas do deserto do Sara, são o seu cartão de visita.

Situada a 200 milhas da costa Oeste de África, Tenerife é a maior ilha das Canárias com cerca de 90 quilómetros de largura por 80 quilómetros de comprimento e um perímetro de estrada de cerca de 358 quilómetros. É vulgarmente chamada de monte Teide, a montanha mais alta de todo o território espanhol.

Esta ilha paradisíaca oferece aos seus visitantes florestas exuberantes, flora e fauna exóticas, desertos, montanhas, vulcões, neve, costas incrivelmente bonitas e praias magníficas, com bons acessos, que respeitam os mais rigorosos níveis europeus de limpeza e oferecem duches, espreguiçadeiras, sombra e desportos aquáticos. Se gosta de banhos-de-sol e mar não deixe de ir até às praias de Las Teresitas e a de Las Américas, que são uma mescla de relaxe e divertimentos.

Passeie ainda nas montanhas de Anaga, onde paira uma grande variedade de espécies animais e de plantas, e aproveite o clima fresco e húmido. Passe pelo Barranco del Infierno, um desfiladeiro que tem uma atraente queda de água; pelo Parque Nacional de Teide, marcado pela paisagem vulcânica e plantas silvestres; e dê ainda um saltinho aos rochedos de Los Gigantes. Vale a pena conhecer também a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, um edifício barroco com torres gémeas, a Casa de los Balcones e a Casa del Turista, ambas com pátios abertos e muito bonitos.

Se é um apreciador de plantas, sabia que em Tenerife encontra uma das plantas mais raras e estranhas do mundo? O seu nome é dragoeiro e é um espécie de cacto gigantesco, com ramos inchados de onde nascem folhas espinhosas. Quando cortado, o tronco larga uma seiva vermelha que outrora se pensava ter propriedades mágicas. A sua idade é um mistério, porque os dragoeiros não têm anéis anuais. Pensa-se que alguns terão mais de um milénio.

Encontre as melhores oportunidades, compare preços e leia o que outros viajantes escreveram sobre a ilha de Tenerife no TripAdvisor

Faca e garfo: o que comer em Tenerife?

tenerife

 

A gastronomia local torna-se num dos principais atractivos numa viagem e Tenerife não foge à regra. A ilha possui uma tradição gastronómica original e rica. A variedade de frutos, vegetais e peixes coloridos, conferem a esta cozinha típica um cunho muito próprio e diversos pratos saborosos.

Assim sendo, prove o sancocho (peixe cozido, frequentemente servido com batatas doces), a sama frita com molho verde (peixe frito servido com um molho de alho, coentros e vinagre), a potaje de berros (sopa espessa com agriões, carne de porco, milho, batatas, feijões e cominhos); o conejo al salmorejo (guisado feito de coelho e tomate); o arroz com verduras (colorida mistura de arroz com pimentos, milho e tomate), e o puchero (guisado local apaladado com açafrão, feito de chouriço, feijão, grão e batata). Para ajudar a digestão não se esqueça de provar o famoso rum das Canárias.

O avião é o meio de transporte mais usado e mais económico para viajar de e para as ilhas Canárias. Nos dias que correm, dificilmente seria mais fácil. Tenerife é a única ilha das Canárias com dois aeroportos. Um desses aeroportos, o Reina Sofia, é moderno e suporta praticamente todo o tráfego internacional de Tenerife.

Tenerife, tal como a maioria das ilhas, não tem um clima predefinido, dividindo-se em duas zonas climáticas distintas: húmida e luxuriante no Norte e solarenga e árida no Sul, estado que se mantém ao longo de todo o ano.

[tp_hotel_selections_widget id=30128 cat1=”3stars” cat2=”distance” cat3=”tophotels” type=compact limit=5 subid=””]

 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *