Home / Europa /

Estação de São Bento: que alterações que vêm aí?

Estação de São Bento: que alterações que vêm aí?

 

A Infraestruturas de Portugal tem prestado especial atenção às estações de comboios portuguesas. Após ter sido anunciada a requalificação da estação de Santa Apolónia, em Lisboa, a mesma empresa anunciou recentemente que a estação de São Bento, em plena Baixa do Porto, vai também ser alvo de um projeto de requalificação.

Embora este projeto ainda tenha como data prevista “um futuro próximo”, o plano prevê a que a estação de São Bento será reajustada para acolher um hotel, assim como uma área comercial e cultural.

A empresa pública Infraestruturas de Portugal – proprietária da Estação de São Bento – tem estabelecido uma série parcerias com várias instituições e empresas. A ideia para esta estação de comboios histórica é a ocupação de cerca de 9000 metros quadrados com atividades comerciais e hoteleiras. Atualmente, este mesmo espaço encontra-se por aproveitar, sendo utilizado para armazém de locomotivas antigas e desativadas.

Estação de São Bento: comboios, restaurantes e hotel

Este plano foi apresentado perante o parlamento no final de janeiro. Como explicou António Ramalho, dirigente da IP, a ideia é continuar a “valorizar as estações de comboio”. O potencial é de facto enorme a nível turístico. Por ano, estima-se que a estação de São Bento veja passar pelo seu átrio – composto por um painel de azulejos da autoria de Jorge Colaço – cerca de 4000 visitantes que não andam de comboio.

Em declarações à agência Lusa, uma fonte oficial da Infraestruturas de Portugal garantiu que a empresa “está a desenvolver um exaustivo trabalho com o objetivo primeiro de preservação do valioso património histórico e arquitetónico que representa e também no sentido da promoção e rentabilização dos espaços não essenciais à atividade da empresa”.

Fora o aproveitamento do espaço que está atualmente por ocupar, o projeto espera também melhorar alguns dos espaços em funcionamento. É o caso, por exemplo, das bilheteiras e instalações sanitárias que, ao serem reformuladas, poderão garantir melhores condições de utilização a todos os utentes.

A nível de orçamento, a projeção da Infraestruturas de Portugal é muito otimista: não prevê quaisquer custos, uma vez que contará com ganhos obtidos a partir do arrendamento do espaço além de conseguir reduzir os custos da manutenção do edifício.

 

Tudo isto para que a estação de São Bento passe a ser mais do que uma estação de comboio. Citando a fonte da IP, espera-se que este espaço emblemático do Porto se torne num “novo espaço de convívio e cultura que turistas e portuenses vão querer conhecer e estar”.

O plano não interferirá com o verdadeiro propósito da estação: embarque e desembarque de comboios. A IP assegura que os projetos para as duas estações portugueses não tencionam pôr em causa o futuro da terminal.

Para saber mais sobre a cidade do Porto leia também os nossos artigos:

Porto: a cidade hipster que adora a noite e “Francesinhas”

É oficial: quem vive no Porto é definitivamente mais feliz

Para terminar este artigo, gostaríamos ainda que recomendar (com a ajuda do TripAdvisor) vários links muito úteis para quem deseja visitar e conhecer a Cidade Invicta. Basta clicar para ver no TripAdvisor todas as informações atualizadas.

VISÃO GERAL DA CIDADE DO PORTO

VÔOS PARA CIDADE DO PORTO

HÓTEIS NA CIDADE DO PORTO

ALUGUER DE TEMPORADA NO PORTO

RESTAURANTES NO PORTO

ATRAÇÕES NO PORTO

 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *