Home / Cidades /

Come From Away: um musical sobre o triunfo da humanidade face ao ódio

Come From Away: um musical sobre o triunfo da humanidade face ao ódio

 

O início do novo milénio foi marcado por uma das maiores catástrofes da história contemporânea: os atentados do 11 de Setembro de 2001. Esta tragédia, ainda presente na memória de todos, tem sido relembrada anualmente não só através de notícias e documentários, mas também por intermédio da expressão artística.

Mais do que recordar ao detalhe o sucedido têm sido muito as obras que procuram extrair lições e evitar que o ódio continue a vencer numa constante batalha entre o bem e o mal: o musical Come From Away é um excelente exemplo desta atitude face à tragédia humana.

O espetáculo Come From Away, atualmente em cena na Broadway em Nova Iorque, baseia-se em factos verídicos ocorridos no Canadá, na semana que se sucedeu ao 11 de setembro. Regressando a uma altura em que o terror era ainda bem sentido em todo o mundo, esta peça procura, por intermédio da música, dança e coreografia, encontrar paz num mundo que se encontra magoado.

 

Come from Away on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

 

Este musical – inspirado num livro de Irene Sankoff e David Hein, que compuseram também o argumento e músicas do teatro – conta a história de 38 aviões que receberam ordens para aterrar de urgência na pequena cidade de Gander, Newfoundland e Labrador, como parte da Operação Yellow Ribbon.

Perante esta situação, e a necessidade de acolher cerca de 7 mil tripulantes, os habitantes de Gander e das cidades vizinhas superaram constrangimentos e preconceitos para receber na sua comunidade um grupo considerável de estranhos.

Com um elenco de 12 membros, que assumem diferentes papéis ao longo da peça, o espetáculo Come From Away é mestre em colocar o espectador agarrado à cadeira.

Mesmo não contemplando tempo para intervalo durante os cerca de 90 minutos de espetáculo, a energia contagiante do elenco, que nunca deixa de dançar e cantar, acaba por ser incorporado pelo próprio público. Os artistas são obrigados a vivenciar os bons cidadãos de Gander e a interpretar passageiros e tripulantes nesses voos.

Por isso tudo, é praticamente impossível ficar indiferente ao vendaval de emoções de Come From Away: esta produção nascida no Canadá, espera transmitir de tal forma as suas intenções em palco que recorre a um sentimentalismo direto conciliado com uma noção muito fidedigna da realidade.

No fim do espetáculo, esta receita prova ser capaz de provocar um efeito catártico relativamente a toda a tensão e medo acumulado desde a tragédia que abalou a cidade de Nova Iorque. O musical foi recebido pelo público e pela crítica como um lembrete catártico da capacidade de bondade humana até mesmo no mais sombrio dos tempos e o triunfo da humanidade sobre o ódio.

CLIQUE AQUI E COMPRE JÁ INGRESSOS PARA VER COME FROM AWAY

 

Come from Away on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

TripAdvisor
 

 

Come From Away: a importância desta peça nos dias de hoje

Apesar dos atentados do 11 de setembro terem acontecido há mais de 15 anos, esta continua a ser uma peça extremamente importante nos dias que correm, atendendo o contexto político e social que se faz viver por todo o mundo e sentido, mais do que em qualquer outro lugar, nos Estados Unidos da América.

Estamos agora num momento em que milhões de imigrantes estão desabrigados e impedidos de entrar em nações cada vez mais xenófobas. Perante este cenário, pinta-se em palco um conto relativo a uma população insular que não pensa duas vezes antes de abrir os braços para uma multidão internacional de estranhos.

O mesmo acontece com a lembrança de que houve um tempo em que grande parte do mundo ocidental se uniu diante da catástrofe. E quando os políticos que desde então se tornaram alvo de piadas pesadas mantiveram-se altos como líderes de substância.

O musical Come From Away, por outras palavras, é mais inteligente do que parece pela primeira vez. O espetáculo começa num tom rústico de profunda seriedade, enquanto um coro de cidadãos de Gander sobe para o palco para entregar um hino de identidade regional saudável, mas rapidamente consegue alcançar uma sensação de tranquilidade que toca o público onde este se sente mais frágil.

Todo o enredo de Come From Away é baseado em entrevistas feitas a pessoas que assistiram a este acontecimento em Gander – cobrindo assim uma vasta extensão de material sensível, respeitando toda a sua complexidade.

Para a audiência, este é um espetáculo capaz de chocar e de despertar mesmo algumas lágrimas em determinadas cenas e músicas. Prepare-se para ficar arrepiado ao som de “Welcome to the Rock”, “38 Planes”, “Phoning Home” e muitas outras músicas que fazem parte do repertório deste teatro musical.

 

CLIQUE AQUI E COMPRE JÁ INGRESSOS PARA VER COME FROM AWAY

 

 

 

 

 

CONFIRA TAMBÉM OS POSTS RELACIONADOS:

Ainda não viu O Rei Leão, o maior musical da Broadway?

O musical Aladdin na Broadway em Nova Iorque é imperdível!

Musical Anastasia: um show americano inspirado em mistérios da Rússia

Musical Wicked: a história da Bruxa Má do Oeste encanta na Broadway

 

ARTIGOS RELACIONADOS

     
 

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *